Gatabaia

"Se procurarmos a verdadeira fonte da dança e nos virarmos para a Natureza verificamos que a dança do futuro é a dança do passado, a dança da eternidade, que sempre foi e será a mesma." Isadora Duncan (1878-1927)

08 março 2007

Marco




Pois vai sendo, ou melhor, tornou-se neste dia, à força da moeda única.
Ao sabor da minha impetuosidade não deixo de me arrebatar e refilar.
Já sei que ganho nada, pois.
Mas enquanto forem necessários 'dias' de algo para recordar seja o que fôr...
vai mal, continuamos a ir mal, a Humanidade.
A Ana recorda-me o 'dia' dela, meu, nosso, das ditas mulheres, bem(ditas) ou mal(ditas), assim :

Nada mais contraditório do que ser mulher ...
Mulher que pensa com o coração, age pela emoção e vence pelo amor.
Que vive milhões de emoções num só dia e
transmite cada uma delas, num único olhar.
Que cobra de si a perfeição e vive
arrumando desculpas para os erros,
daqueles a quem ama.
Que hospeda no ventre outras almas, da a luz
e depois fica cega, diante da beleza dos filhos que gerou.
Que dá as asas, ensina a voar mas não quer ver partir
os pássaros, mesmo sabendo que eles não lhe pertencem.
Que se enfeita toda e perfuma o leito, ainda
que seu amor nem perceba mais tais detalhes.
Que como uma feiticeira transforma
em luz e sorriso as dores que sente na alma,
só pra ninguém notar.
E ainda tem que ser forte, pra dar os ombros
para quem neles precise chorar.
Feliz do homem que por um dia souber,
entender a Alma da Mulher !!!


As ditas mantenhas

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home