Gatabaia

"Se procurarmos a verdadeira fonte da dança e nos virarmos para a Natureza verificamos que a dança do futuro é a dança do passado, a dança da eternidade, que sempre foi e será a mesma." Isadora Duncan (1878-1927)

30 janeiro 2007

Este tender

Faço-me estendida estandarte e estudante de mim
Tardo-me no pensamento das fagulhas gemidas
Gosto-me no limiar deste lenho a terpidar ardidos
Embalo o mundo nas ondas desfocadas e carpidas
queda e a medo estendo o olhar ao cálido sossego.
Reviradas Mantenhas

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home