Gatabaia

"Se procurarmos a verdadeira fonte da dança e nos virarmos para a Natureza verificamos que a dança do futuro é a dança do passado, a dança da eternidade, que sempre foi e será a mesma." Isadora Duncan (1878-1927)

22 setembro 2011

Aristides Pereira

Estou triste!
Porque a partida do Aristides Pereira me deixou triste.
Lembrou-me Amílcar Cabral e imensas histórias que tinha no baú da adolescência.
Pelo que ele representou para os meus países e para os meus pais.
O fulgor da luta por um ideal certificado na candura de acreditar ser possível reabilitar a humanidade, fraternalmente.
Fiquei triste porque também fiquei morrida algures.
A nostalgia fica-me ao ser obrigada a pensar no meu pai e por saber que a morte nunca se aprende ou prepara. Enche-se o vazio com saudades e lembranças.
Descanso eterno lhe seja merecido.
Somima

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home