Gatabaia

"Se procurarmos a verdadeira fonte da dança e nos virarmos para a Natureza verificamos que a dança do futuro é a dança do passado, a dança da eternidade, que sempre foi e será a mesma." Isadora Duncan (1878-1927)

03 junho 2008

Baía das Gatas


Correm as fontes ao rio
os rios correm ao mar;
num enlace fugidio
prendem-se as brisas no ar ...
Nada no mundo é sozinho:
por sublime lei do Céu,
tudo frui outro carinho ...
Não hei-de alcançá-lo eu?
Olha os montes adorando
o vasto azul, olha as vagas
uma a outra se osculando
todas abraçando as fragas ...
Vivos, rútilos desejos,
no sol ardente os verás:
-Que me fazem tantos beijos,
se tu a mim mos não dás? a)
Mantenhas

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home