Gatabaia

"Se procurarmos a verdadeira fonte da dança e nos virarmos para a Natureza verificamos que a dança do futuro é a dança do passado, a dança da eternidade, que sempre foi e será a mesma." Isadora Duncan (1878-1927)

02 outubro 2007

Relax Entes


Ontem. Passava pouco das dez da noite. Sento-me para relaxar de um dia um todo nada complicado. Passo canais ... debate ... Lobo Antunes ... enquadra-me naquele painel. Fixo-me na noite com os arrepios que me causaram tanta coisa, e eu a insistir à espera de um volte face naquelas cabeças, quase todas, escapa uma, duas três talvez, poucas, muitas poucas vezes percebi a preocupação na pessoa da criança. E aquele juiz, gente !!! indescritível. Visível já foi difícil. Deprimida. Toda! De alma triste. O meu calcanhar de Aquiles esfacelado uma vez mais nos embaraços das leis dos homens. Nunca tinha percebido o caso Esmeralda só sabia que existia um mais caso entre todos os que se vão sabendo de incúria e desrespeito pela entidade criança. Hesitei no tema do debate ... terras de partilhas? um carro mal estacionado entre as vi(d)as de um pai e de um casal que até é adoptivo sem o ser? Não faria diferença teria sido idêntico porque as leis estão feitas a metro mas não são cortadas à medida. Bem pode o céu praguejar e desfazer-se em água que estamos todos em gabinetes climatizados ou seja imunes às intempéries.
Mantenhas

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home